O que era um sonho, de repente tornou-se quase um pesadelo, frases assim é o que eu tenho ouvido de alunos do último ano de psicologia que frequentam os meus cursos ou que chegam até mim para eu ajudá-los neste momento difícil. As frases mais comuns que eu ouço, são:

– Não estou me sentindo preparado para atuar como psicólogo.

– Estou estressado com tantas coisas para fazer e para decidir.

– Estou confuso, não sei para qual área ir.

– Tenho que deixar de depender da minha família, será que vou conseguir me sustentar sozinho?

Além de tantas outras frases que evidenciam o quanto é difícil este momento na vida dos formandos e muitas vezes, até dos recém-formados.

Será que estas são questões específicas dos profissionais e futuros profissionais da psicologia ou da maioria das profissões?

Na minha opinião é algo comum à maioria das profissões e tudo está ligado a falta de atenção das faculdades com relação a este fato e a conteúdos que nem sempre estão alinhados ao que o mercado está necessitando, mas principalmente, devido a muitas pessoas terem um mapa mental que os condenam ao invés de orientá-los. Muitas pessoas ainda focam mais no problema do que na solução e assim, acabam entrando em pânico diante do novo e deixam-se levar pelos comentários e notícias negativas a respeito das suas profissões.

É preciso mudar o olhar, encontrar soluções e buscar ajuda quando necessário. O que não dá é para ficar andando em círculo e sofrer com ansiedade descontrolada e sem poder curtir este momento tão especial que é a conclusão da formação.

Algumas dicas:

  • Trabalhe bem a respiração para administrar a ansiedade. Quando estamos tensos, temos dificuldade para encontrar soluções.
  • Faça técnicas de visualização positiva, o cérebro não consegue distinguir o real do imaginário, então use isso a seu favor, ao invés de ficar ai se vendo desempregado, trabalhando em áreas que não tem interesse ou até não exercendo a profissão, visualize cenas de sucesso, felicidade e realização.
  • Pesquise sobre as áreas que você tem interesse e conheça profissionais que atuam nesta área, os entreviste e entenda o caminho que os fizeram chegar lá. O Linkedin é um bom canal para fazer isso.
  • Converse com seus familiares sobre seus medos e diga como está se sentindo. A falta de comunicação muitas vezes é o que nos deixa com vários medos infundados, criamos expectativas que nem sempre são reais, Eles poderão lhe apoiar e tudo irá ficar bem mais tranquilo, com menos pressão.
  • Procure alguém experiente para lhe ajudar neste processo de definição de área e os primeiros passos profissionais.

Estas são algumas alternativas, que do fundo do meu coração, espero que lhe ajude a passar por tudo isso com mais tranquilidade e que sua formatura seja motivo de muitas risadas, comemoração pela conquista e orgulho pela profissão.

Caso queira ler mais sobre este tema e outros sobre carreira, acompanhe-me nas redes sociais. Esta é a minha missão, levar acalento e esperança para aqueles que precisam.

Desejo sucesso na sua caminhada!!!